Curta nossa pagina

sexta-feira, 5 de agosto de 2011

Síria: Cristãos temem mudanças, diz jesuíta

Lisboa, 05 ago 2011 (Ecclesia) – O sacerdote jesuíta Paolo Dall’Oglio referiu à Rádio Renascença que os cristãos têm estado à margem dos protestos contra o regime na Síria e que “grande parte da população tem muito medo da mudança”.

Esta semana o Conselho de segurança da ONU condenou as acções violentas do regime de Bashar al-Assad, mas segundo o padre Paolo Dall’Oglio o presidente sírio continua a ser apoiado, “provavelmente mais do que possam imaginar”.

“Não imaginamos uma mudança como a que ocorreu no Egito e na Tunísia, isso não vai acontecer aqui. As forças armadas estão sólidas ainda, e grande parte da população não está disposta a uma mudança que sente que será perigosa”, indica o religioso italiano, responsável da comunidade monástica de Deir Mar Musa, no deserto sírio.

"Bashar tem mais apoio do que se possa imaginar, incluindo a comunidade cristã", frisa.
A repressão violenta na Síria já provocou mais de dois mil mortos, disse hoje a chefe da diplomacia dos Estado Unidos da América, Hillary Clinton.

As declarações da diplomata surgem depois de relatos recentes segundo os quais forças de segurança sírias teriam matado mais de uma centena de pessoas, só nos últimos dias.
RR/OC
Postar um comentário