Curta nossa pagina

sexta-feira, 26 de agosto de 2011

BEPEC comenta estudo da FGV sobre religiões e CENSO 2010 IBGE

Da matéria do  Do G1, São Paulo

País tem menor nível de adeptos do catolicismo desde 1872, diz estudo

Cresce proporção de brasileiros sem religião, segundo pesquisa da FGV. Mulheres estão menos católicas do que os homens, diz mapa de religiões.

A proporção de brasileiros adeptos do catolicismo caiu ao menor nível já registrado desde 1872, segundo pesquisa divulgada nesta terça-feira (23) pelo Centro de Políticas Sociais da Fundação Getúlio Vargas (FGV). Apesar da queda, o catolicismo ainda é a maior religião no país, seguida pela igreja evangélica e pelo espiritismo.
 Os dados fazem parte de um mapa de religiões traçado pela FGV. Segundo o estudo, 68,43% da população brasileira se dizia católica em 2009, cerca de 130 milhões de pessoas, o menor percentual desde os primeiros registros realizados no país, em 1872, quando os católicos representavam 99,7% da população.
Conforme o estudo, a proporção de católicos vinha se mantendo constante no início dos anos 2000, mas houve queda de 7,3% dos adeptos ao catolicismo entre 2003 e 2009. A pesquisa reuniu microdados de pesquisas do IBGE com cerca de 200 mil entrevistados na década passada.
Uma das razões apontadas para a queda é o crescimento na proporção dos evangélicos no mesmo período (de 17,9% para 20,3% da população). Além disso, o grupo de pessoas que dizem não pertencer a nenhuma religião subiu, de 5,13% para 6,7% da população. No início da década, o índice dos “sem religião” havia caído, de 7,4% para 5,1%.
Veja a seguir a distribuição das principais religiões no país, segundo a pesquisa:
Ainda segundo a pesquisa, as mulheres continuam mais religiosas do que os homens, mas a proporção se inverteu no período analisado com relação ao catolicismo. Enquanto 71,6% se dizem católicas, 75,4% dos homens expressam pertencer a essa religião. Setenta anos antes, eram 96% e 95%, respectivamente.
Estados e capitais

O Piauí é o estado com maior número de católicos (87,93%), seguido pelo Ceará (81%) e Paraíba (80,25%). Os menos católicos são o Acre (50,73%), Rio de Janeiro (49,83%) e Roraima (46,78%). Roraima é também o estado com maior proporção de sem religião (19,39%), seguido do Rio de Janeiro (15,95%).
Ainda conforme o estudo, a periferia do Rio de Janeiro é a menos católica e menos religiosa de todas as metrópoles brasileiras. No outro extremo está a periferia de Porto Alegre e de Fortaleza, respectivamente, a mais religiosa e a mais católica.
Entre os evangélicos pentecostais, o Acre é o que contabiliza a maior proporção de adeptos (24,18%). Nas demais denominações evangélicas, o líder é o Espírito Santo (15,09%). O Sergipe é o estado com o menor percentual de evangélicos pentecostais (4,75%).
O Rio lidera em religiões espíritas (3,37%) e afro-brasileiras (1,61%), seguido, nos dois casos, pelo Rio Grande do Sul (2,34% de espiritualistas e 0,94% de afro-brasileiras). Já nas religiões orientais ou asiáticas, São Paulo possui o maior nível de adeptos (0,78%), seguido pelo RJ (0,69%) e Distrito Federal (0,52%).
Nas capitais, Boa Vista, Salvador e Porto Velho são as que possuem maior proporção de pessoas sem religião. Teresina é a capital mais católica do país, com 80, 66% de fiéis, seguida de Fortaleza (74,25%) e Florianópolis (73,91%). Boa Vista é a menos católica (40,87%). Os evangélicos são maioria em capitais da região Norte: Rio Branco (28,43%), Belém (23%), Boa Vista (21,21%) e Porto Velho (19,02%).
 
 
Renda

Com relação à renda, a grande parte dos sem religião está concentrada na classe E (7,72% deles não possuem religião), seguida pela classe A/B, com 6,91%. O mesmo acontece no catolicismo, que se concentra principalmente entre essas classes.
Evangélicos pentecostais são 14,98% da classe D. Já as igrejas evangélicas mais tradicionais estão mais concentradas na classe AB (8,35%) e C (8,72%). Outras religiões também estão mais concentradas na classe A/B.


O Bureau de Pesquisa e Estatística Cristã oferece algumas considerações sobre as tabelas divulgadas nesta matéria do G1, levando em conta diferenciais teológicos e denominacionais mais elaborados.
Afinal, o critério do IBGE para dados agregados (adotado nas tabelas acima) coloca evangélicos pentecostais e neopentecostais no mesmo grupo e ainda não considera desvios doutrinários em subgrupos denominacionais e que redundam mudanças de grupos, exemplo: A igreja Batista da Lagoinha e outras tantas batistas renovadas são batistas ou neopentecostais? E as igrejas do G12, MIR 12 que adotam a teologia neopentescostal e estão, por vezes, vinculadas nominalmente a outras confissões? 
Malgrado o escopo da pesquisa de diversidade religiosa elaborada pela FGV-RJ não pretender este nível de detalhamento, cuja a relevância apenas se aplica ao interesse dos evangélicos como grupo religioso, temos nas tabelas sociais com os micro dados da pesquisa do IBGE, informações capazes de nos oferecer um cenário mais detalhado. 
Carlos Moreira e Danilo Fernandes, diretores do BEPEC, informam que o instituto pretende oferecer, em breve, uma análise dos micro dados da pesquisa FGV / IBGE voltada ao perfil de interesse dos evangélicos. 
Abaixo, uma tabela de distribuição de frequência com 50 grupos religiosos, já permitindo uma imagem mais detalhada do cenário da religião evangélica, a partir do CENSO 2010.

DISTRIBUIÇÃO (%) DAS RELIGIÕES NA POPULAÇÁO TOTAL - Brasil - 2000


Total




Total 100,00

Religiões Agregadas

SEM RELIGIÃO  7,35

CATÓLICA APOSTÓLICA ROMANA  73,57

CATÓLICA APOSTÓLICA BRASILEIRA  0,29

CATÓLICA ORTODOXA  0,02

ORTODOXA CRISTà 0,00

OUTRAS CATÓLICAS  0,00

EVANGÉLICA DE MISSÃO LUTERANA  0,63

EVANGÉLICA DE MISSÃO PRESBITERIANA  0,58

EVANGÉLICA DE MISSÃO METODISTA  0,20

EVANGÉLICA DE MISSÃO BATISTA  1,86

EVANGÉLICA DE MISSÃO CONGREGACIONAL  0,09

EVANGÉLICA DE MISSÃO ADVENTISTA  0,71

EVANGÉLICA DE MISSÃO EPISCOPAL ANGLICANA  0,01

EVANGÉLICA DE MISSÃO MENONITA  0,01

EXÉRCITO DA SALVAÇÃO  0,00

EVANGÉLICA DE ORIGEM PENTECOSTAL ASSEMBLÉIA DE DEUS  4,96

EVANGÉLICA DE ORIGEM PENTECOSTAL CONGREGACIONAL CRISTÃ DO BRASIL 1,47

EVANGÉLICA DE ORIGEM PENTECOSTAL O BRASIL PARA CRISTO  0,10

EVANGÉLICA DE ORIGEM PENTECOSTAL EVANGELHO QUADRANGULAR  0,78

EVANGÉLICA DE ORIGEM PENTECOSTAL UNIVERSAL DO REINO DE DEUS  1,24

EVANGÉLICA DE ORIGEM PENTECOSTAL CASA DA BENÇÃO  0,08

EVANGÉLICA DE ORIGEM PENTECOSTAL CASA DE ORAÇÃO  0,04

EVANGÉLICA DE ORIGEM PENTECOSTAL DEUS É AMOR  0,46

EVANGÉLICA DE ORIGEM PENTECOSTAL MARANATA  0,16

EVANGÉLICA RENOVADA SEM VÍNCULO INSTITUCIONAL  0,01

EVANGÉLICA PENTECOSTAL SEM VÍNCULO INSTITUCIONAL  0,20

EVANGÉLICA DE ORIGEM PENTECOSTAL COMUNIDADE CRISTà 0,05

EVANGÉLICA DE ORIGEM PENTECOSTAL NOVA VIDA  0,05

EVANGÉLICA DE ORIGEM PENTECOSTAL COMUNIDADE EVANGÉLICA  0,05

OUTRAS IGREJAS EVANGÉLICAS DE ORIGEM PENTECOSTAL  0,89

EVANGÉLICA DE ORIGEM PENTECOSTAL AVIVAMENTO BÍBLICO  0,03

EVANGÉLICA DE ORIGEM PENTECOSTAL CADEIA DA PRECE  0,00

EVANGÉLICA DE ORIGEM PENTECOSTAL IGREJA DO NAZARENO  0,03

EVANGÉLICA NÃO DETERMINADA  0,75

IGREJA DE JESUS CRISTO DOS SANTOS DOS ÚLTIMOS DIAS  0,12

EVANGÉLICOS TESTEMUNHA DE JEOVÁ  0,65

LBV / RELIGIÃO DE DEUS  0,01

ESPIRITUALISTA  0,02

ESPÍRITA  1,33

UMBANDA  0,23

CANDOMBLÉ  0,07

OUTRAS DECLARAÇÕES DE RELIGIOSIDADE AFRO-BRASILEIRA  0,01

JUDAÍSMO  0,05

HINDUÍSMO  0,00

BUDISMO  0,13

NOVAS RELIGIÕES ORIENTAIS  0,09

OUTRAS RELIGIÕES ORIENTAIS  0,00

ISLAMISMO  0,02

TRADIÇÕES ESOTÉRICAS  0,03

TRADIÇÕES INDÍGENAS  0,01

RELIGIOSIDADE CRISTÃ SEM VÍNCULO INSTITUCIONAL  0,14

NÃO DETERMINADA  0,21

SEM DECLARAÇAO  0,23


Fonte: CPS/FGV através do processamento dos microdados do Censo 2000 - IBGE



         Leia Mais em: Genizah
Postar um comentário