Curta nossa pagina

segunda-feira, 19 de agosto de 2013

Igreja batista substitui grupo de louvor por um DJ durante culto

Igreja batista substitui grupo de louvor por um DJ durante culto
Uma igreja batista norte americana teve uma ideia inusitada ao substituir sua tradicional banda por um DJ, nos momentos de louvor. Com o nome artístico Hans Solo, o DJ Hans Daniels foi o responsável por substituir, durante o culto, a banda da igreja, originalmente por oito integrantes.
A Igreja de Clarendon, que tem 125 membros, tem mudado o seu formato litúrgico ao longo de seus 104 anos de história, de forma a se manter contemporânea e dialogar com o público jovem. Depois do uso de piano e hinos tradicionais, a evolução foi o uso de guitarra elétrica e bateria e, conforme analisou o jornal The Washington Post, para muitos o uso de um DJ é o próximo passo natural nessas mudanças.
Sabendo-se que a música é uma poderosa ferramenta de comunicação, diversos grupos religiosos a utilizam como forma de se conectar aos seus fiéis, através de bandas de diferentes ritmos. Porém, a presença de um DJ nesse contexto levanta algumas questões, como: única pessoa nesse momento do culto não poderia transformar o momento em uma performance, ao invés de uma oração?
- Uma das minhas preocupações é: estou colocando Deus em primeiro lugar? E há também a questão de que se isso serve teologia ou algum outro propósito – pontua Ed Willmington, diretor de música no Centro do Seminário Teológico Fuller para o Culto, Teologia e Artes.

Fonte: Por Dan Martins, para o Gospel+
Postar um comentário